Servidores estaduais decretam greve em fevereiro

Durante assembleia realizada nesta quinta-feira, 28, os servidores da administração do Estado reunidos, decidiram decretar greve a partir do dia 4 de fevereiro. De acordo com o presidente do Sindicato dos Trabalhadores nos Serviços Públicos do Estado de Sergipe (Sintrase), Diego Araújo, a falta de um acordo relacionado ao Plano de Cargos, Carreira e Vencimentos (PCCV) é um dos principais motivos para a suspensão dos serviços.

"O descaso do Governo com os servidores em relação ao não cumprimento do PCCV é evidente. Hoje somos mais de 5 mil servidores que ganham menos de um salário mínimo por mês", reforça o sindicalista que fala sobre os serviços que serão atingidos durante a greve.

"Este é o momento dos servidores mostrarem a sua indignação em relação à administração. Os serviços nas escolas em relação a vigilantes, limpeza de escolas e os atendimentos nos Ceac´s também vão parar", orienta.