Sem técnico, preparador físico assume interinamente o elenco do Amadense

Mais um técnico caiu no Campeonato Sergipano no último domingo. Serginho Baiano não resistiu a mais uma derrota e não é mais o treinador do Amadense. Para o lugar dele, ainda não foi contratado nenhum técnico, até o momento. Por enquanto, quem assume é o preparador físico Batista Jr. No comando do Amadense, Serginho Baiano dirigiu o time em sete jogos. Conseguiu apenas uma vitória, três empates e três derrotas e teve 28,6% de aproveitamento dos pontos disputados. Ele deixa o time na sétima colocação com seis pontos.

- Pra mim, é uma situação nova no profissional. O trabalho agora será dobrado. A parte física permanece comigo e agora o comando técnico também. Já passei por isso na equipe de juniores do Sete de Junho em 2010 e do Olímpico de Itabaianinha no ano seguinte. Sei que são situações diferentes, mas eu gosto de aceitar desafios e vou dar meu máximo para que tudo aconteça da melhor forma, com fé em Deus - afirmou o técnico interino do Amadense.

Um dos motivos da péssima campanha da equipe até agora no estadual foi pelo fato de o elenco ter diversos jogadores amadores, que vieram com o ex-treinador Serginho. Batista Jr confirmou e disse que está avaliando a todos tanto física como tecnicamente para definir quem continua e quem não tem condições de permanecer no time alviverde de Tobias Barreto. Para tanto, algumas modificações serão feitas taticamente também.

- Primeiro, vamos corrigir o posicionamento da defesa. Depois, para esse setor, temos novidades. Os zagueiros que chegaram recentemente já poderão jogar, o Clériston e o Lelo. Precisamos mudar o quanto antes nosso sistema defensivo para evitar ao máximo tomar os gols, principalmente em jogadas aéreas, foram oito até hoje. Além disso, o time está precisando criar um padrão de jogo, talvez uma mudança de sistema de jogo já ajude. Outra coisa, vamos começar a jogar só com dois volantes, porque quando você joga com três acaba perdendo a criatividade e os meias não conseguem encostar muito nos atacantes. Fazendo isso, os atacantes vão receber mais bolas em boas condições e finalizando bem poderão fazer os gols - explicou Batista Jr.

O próximo compromisso da equipe será neste domingo contra o Socorrense no Estádio Brejeirão, em Tobias Barreto. A partida válida pela oitava rodada do Sergipão 2016 será às 16 horas.
Classificação para o hexagonal

- Enquanto há vida, há esperança. É óbvio que não dependemos mais de nós, dependemos também de um tropeço do Estanciano no próximo sábado diante do Guarany. Se isso acontecer, nós temos condições sim de vencer o Socorrense em casa e depois o Sergipe no Batistão. Se isso não acontecer, vamos fazer um novo planejamento para tentar ficar em primeiro ou segundo no quadrangular da morte para permanecer na primeira divisão do estadual - finalizou o preparador físico e técnico interino do Amadense.

Globo Esporte / SE