Acusado de integrar milícia no Rio de Janeiro é preso em Sergipe

A Polícia Sergipana conseguiu prender um homem acusado de cometer um homicídio e integrar uma milícia no estado do Rio de Janeiro. Os detalhes da prisão de Weberlan Pereira de Santana, 23 anos, foram apresentados na manhã desta segunda-feira (28) pela Secretaria da Segurança Pública (SSP/SE).

De acordo com o delegado Jorge Eduardo, Weberlan fugiu para o município de Itabi, distante 138 km de Aracaju (SE), em fevereiro deste ano, depois de cometer um homicídio contra Roberto Carlos Pereira, 38 anos, morto a facadas na noite da segunda-feira de carnaval após uma discussão em um bar, localizado na cidade de Maricá, no litoral norte fluminense.

“Ele estava na casa de parentes e acreditava que não seria preso por estar em uma cidade tão distante (do local do crime). Agora, a Polícia carioca vai recambiar o preso para elucidar o crime”, afirma Jorge Eduardo.

Ainda segundo o delegado, mesmo estando no interior sergipano há mais de um mês, Weberlan não chegou a cometer crimes aqui no estado e não possui passagem pela Polícia sergipana.

Foto: Will Rodrigues / F5 News