Ex-policial é preso acusado de chefiar quadrilha de assaltantes

A Polícia Civil desarticulou uma quadrilha de assaltantes chefiada por um ex-policial. Na manhã desta sexta-feira (20), o Complexo de Operações Policiais Especiais detalhou a prisão do ex-pm José Welton de Assis [verde] e outros quatro jovens. Apenas um deles não tem passagem pela polícia, os outros deixaram o sistema prisional em 11 de abril de 2016.

Além de Welton, estão presos: Carlos Daniel Santos de Santana, Maycon Douglas do Nascimento, Gustavo Alves Lima, que não tem passagem pela Polícia, e Jorge Luiz Santos Lima, que possuía um mandado de prisão em aberto por homicídio.

De acordo com o delegado Andre David, coordenador do Cope, a prisão da associação criminosa foi possível através de uma denúncia anônima repassada na ultima terça-feira (18). O grupo foi detido após cometer um assalto no município de Salgado, no sul sergipano.  “Na cidade obtivemos a informação que houve o assalto em um estabelecimento comercial, saímos em perseguição do veículo Corola que pertence ao ex-PM, o interceptamos e efetuamos a prisão”, explica.

O preso apontado como chefe do bando tem extensa ficha criminal e é velho conhecido da Polícia. "Welton perdeu a farda após ter sido condenado por cometer um homicídio contra um promotor de justiça no ano de 1998. Cumpriu a pena e quando ficou em liberdade, passou a arregimentar outras pessoas para cometer delitos", detalhou David.

Além do material roubado, com a quadrilha foram apreendidas armas de fogo, munição, além de carteiras de identidade, carteiras de habilitação e cartões de crédito falsificados.

Os presos têm envolvimento com homicídios, tráfico de drogas, roubo e porte ilegal de arma. Agora, segundo a Polícia , serão indiciados pelos crimes de roubo majorado e associação criminosa.

F5 News