Eduardo Amorim confirma que foi convidado para comandar o PMDB em Sergipe

O senador Eduardo Amorim (PSDB) confirmou na manhã desta quarta-feira, 29, em entrevista a Gilmar Carvalho (MIX FM, Atalaia e Cidade AM, de Simão Dias), que foi convidado por membros da Executiva Nacional do PMDB para assumir o comando do partido em Sergipe, atualmente liderado pelo governador Jackson Barreto.

Segundo ele, o convite foi feito no final de janeiro deste ano, em Brasília, antes do início da atual legislatura.

Na entrevista, o senador disse que não podia aceitar o convite porque já havia assegurado que assinaria ficha de filiação ao PSDB.

¨No dia seguinte, nós indicamos o nome do deputado federal André Moura (PSC)¨, disse o senador, que disse não poder revelar nomes dos membros da Executiva Nacional do PMDB que fizeram o convite.

A informação sobre o convite a Eduardo Amorim foi divulgada recentemente, EM PRIMEIRA MÃO, pelo jornalista Diógenes Brayner.

Gama

Logo depois da entrevista do senador, o presidente estadual do PMDB, João Augusto Gama, disse que Eduardo Amorim devia revelar os nomes de quem o convidou e, ¨se quem fez o convite tinha as credenciais para isso¨.

Gama disse que é ¨factoide¨ da oposição.