PC desarticula associação criminosa que atuava no centro-sul do estado

Na manhã desta última sexta-feira, 24, policiais civis da Delegacia Regional de Estância, em parceria com integrantes do Grupo Especial de Repressão e Busca (Gerb) e o Complexo de Operações Policiais Especiais (Cope), realizaram as prisões de quatro homens e uma mulher envolvidos com tráfico de drogas e roubo no centro-sul sergipano.

A associação criminosa, que estava sendo investigada há pelo menos quatro meses, possuía mandado de prisão para sete integrantes, onde seis deles foram presos. Cleverton Oliveira Santos, popularmente conhecido como “Kekel” e Gilvan de Jesus Nascimento, conhecido como “Djoca”, haviam sido presos pelo menos três meses antes. Rafael dos Santos Jesus, popularmente conhecido como “Do ovo”, se encontra foragido.

No decorrer da operação, comandada pelos delegados Hugo Leonardo e Clarissa Lobo, foram presos Alison Lima Silva, Moacir José da Silva Neto, Cleiton Oliveira dos Santos e José dos Santos, popularmente conhecido como “Zé de Zé Homem”. Eles eram conhecidos por serem muito violentos e atuarem principalmente nas zonas rurais da cidade de Estância e contra microônibus da linha Estância – Santa Luzia do Itanhi, além de roubar motocicleta para revenda.

Além disso, Marília dos Santos, 22, foi presa por conta de uma denúncia anônima que informava que ela realizava o transporte de pouco mais de 20kg de maconha e pinos de cocaína. Ela vinha de Osasco, SP, e afirmou que receberia dois mil reais pelo transporte da droga.

“Ao ser questionada, ela disse que alguém a contactaria na rodoviária no momento da chegada e não sabia para quem a droga se encaminharia”, explicou o delegado Hugo Leonardo, um dos responsáveis pelo caso.

Marília será autuada somente por tráfico de drogas enquanto os outros serão autuados também por roubo, receptação de produto roubado e tentativa de homicídio, além do tráfico.