Por algo mais, Itabaiana recebe Santa Cruz no jogo de ida das quartas

Quando iniciou a Copa do Nordeste 2017, o Itabaiana tinha uma meta: Tentar passar da primeira fase. O objetivo foi conquistado com louvores e agora a meta foi ampliada: Passar para a terceira fase. 

Para isso, terá que superar o tradicional Santa Cruz. O primeiro duelo, de dois, acontece nesta quarta-feira, às 21h45, no Estádio Etelvino Mendonça, em Itabaiana.

Assim como o Santa Cruz, o Itabaiana terminou a primeira fase como primeiro colocado, mas o time sergipano teve a "pior" pontuação entre os líderes de grupos e acabou na chave dos segundos colocados e, por isso, vai decidir fora de casa.

- O Santa Cruz é uma equipe muito forte, conta com excelentes jogadores, tem uma bola parada perigosa e o grau de competitividade vai aumentar muito daqui em diante na Copa do Nordeste. 

Vamos analisar o adversário pra chegar bem preparados. Temos um primeiro jogo em casa para construirmos uma vantagem e buscar essa classificação. Chegamos até aqui e queremos ir mais além na competição - afirmou Pedro Pires, meia do Itabaiana.

A esperança da torcida do Itabaiana está literalmente nas mãos do goleiro Genivaldo. O camisa 1 tem feito grandes atuações praticamente em todos os jogos do Tricolor sergipano na "Lampions League", apesar dos seis gols sofridos.

Defesa forte e meio de campo criador de chances de gols, mas o ataque é a pedra no calcanhar Tricolor. O time só marcou seis gols, mas poderia ter números bem melhores. O meia Igor Alves e o atacante Diego Neves são os artilheiros da equipe, com dois gols cada. O meia André Beleza e o atacante Geovane marcaram um gol cada.

Adversário: Santa Cruz
Local: Estádio Etelvino Mendonça, em Itabaiana
Torneio e fase: Jogo de ida das quartas de final da Copa do Nordeste
Time provável: Genivaldo no gol; Magno, Ewerton, Alexandre e Edinho na defesa; Hércules, Zaquel, André Beleza e Geovane no meio; Diego Neves e Paulinho Macaíba no ataque
Arbitragem: Marielson Alves Silva. Ele será auxiliado por Marcos Welb Rocha de Amorim e José Carlos Oliveira dos Santo. Trio é da Bahia.

Globo Esporte / SE