Sergipe perde 72 postos de trabalho em abril de 2017, indica Caged

Sergipe encerrou o mês de abril com a perda de 72 vagas formais de emprego, conforme balanço do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged). Apesar da queda, o quarto mês do ano apresentou um saldo melhor do que no mês anterior. O resultado também é o melhor para os meses de abril nos últimos quatro anos.De acordo com o levantamento do Gaged, o mercado sergipano registrou 5.617 admissões, contra 5.689 demissões. 

A diferença entre contratações e desligamentos gerou uma retração de 0,03% no nível de empregos com cara assinada.Os setores da agropecuária e da construção civil ajudaram a puxar o saldo de empregos para baixo, este último com 143 vagas de emprego a menos. Os setores de serviços, indústrias de transformação e serviços industriais foram os únicos com saldos positivos -  juntos geraram 140 novos postos de trabalho. Já o comércio manteve o nível de emprego estável no período.

Com este resultado, Sergipe acumula três meses de queda no nível de emprego e mais de 6.572 postos de trabalho fechados no primeiro quadrimestre deste ano. Nos últimos 12 meses, o número de pessoas que não conseguiram se recolocar no mercado de trabalho ultrapassa a marca dos 12.400.

F5 News