Casal gay consegue batizar filhos e recebe carta do Papa como agradecimento

Toni Reis e David Harrad receberam carta do Papa, após batizar seus três filhos na Igreja Católica. O casal passou por quatro paróquias em Curitiba e teve seu pedido recusado. Entretanto, tiveram seu problema solucionado assim que recorreram ao arcebispo, Dom José Antonio Peruzzo, que autorizou nos primeiros minutos de audiência. O batizado ocorreu em abril de 2017.

Depois de mandarem um dossiê sobre a experiência com a Igreja Católica, o Papa enviou uma carta para o casal agradecendo. Toni Reis publicou segunda-feira (7) no facebook: O Vaticano enviou uma carta com agradecimentos do Papa Francisco.

Juntos há 27 anos, Toni Reis, de 53 anos, e o inglês Harrad, de 59 anos, só puderam se casar oficialmente em 2011, quando a ‘’união estável’’ para casais do mesmo sexo começou a ser reconhecida pelo Supremo Tribunal Federal.

A adoção veio após uma decisão do STF. O processo durou sete anos e foi para adoção de Alyson, 16 anos. Depois disso, adotaram os irmãos biológicos Jéssica, 14 anos, e Filipe, de 11 anos. 

O Papa Francisco segue uma linha contrária dos conservadores católicos quando a pauta é relacionamento na igreja com os gays. Segundo o pontífice, pessoas homossexuais “não devem ser discriminados, e sim respeitados e acompanhados no plano pastoral”, repetiu fórmula utilizada durante o primeiro ano de seu pontificado.