Justiça obriga prefeito de Arauá a exonerar esposa e filhos

O prefeito de Arauá, José Ranulfo dos Santos (PSB), está obrigado a exonerar a esposa, Delba Oliveira de Jesus, e os filhos Nathaly Oliveira Santos e Kendisson de Souza Santos.

O prefeito foi denunciado, em ação civil pública, movida pelo Ministério Público Estadual (MPE) por prática de nepotismo. Nesta gestão, a esposa do prefeito, Delba Oliveira, foi nomeada para ocupar o cargo de secretária municipal de inclusão social, e os filhos Nathaly e Kendisson, como secretária de comunicação social e assuntos institucionais e procurador-geral do município, respectivamente.

Na ação, o magistrado da Comarca de Arauá, defere o pedido formulado pelo Ministério Público, de tutela de urgência de caráter antecipado, e concede prazo de três dias para que o prefeito promova as exonerações dos parentes e estima multa pessoal no valor de R$ 100 mil, sem prejuízo da configuração do ato de improbidade administrativa, em caso de descumprimento.

Conforme os autos, o prefeito já recorreu da decisão com agravo de instrumento, que se encontra em fase conclusa para análise do desembargador Osório de Araújo Ramos Filho, relator do processo.

Infonet