Integrante de facção criminosa da Bahia é preso em Estância (SE)

A Secretaria da Segurança Pública (SSP) divulgou nesta quarta-feira (18), informações sobre a prisão de Bruno da Silva Andrade, popularmente conhecido como “Bruno Galego”, 19 anos, acusado de tráfico de drogas. Bruno foi preso em uma residência nas proximidades da Praia do Abáis, em Estância, região Sul do Estado e é suspeito de integrar a facção criminosa “Katiara”, do estado da Bahia.

Segundo o delegado Hugo Leonardo, do Complexo de Operações Especiais (Cope), a prisão ocorreu após o recebimento de denúncia anônima indicando que na referida residência existia a comercialização de entorpecentes. "Os policiais iniciaram diligências até o local indicado, pois havia suspeita de que Bruno estaria realizando a venda de entorpecentes na região. Ao chegar lá, as equipes rapidamente avistaram o suspeito e após revista foi encontrado com ele duas trouxinhas de maconha", disse o delegado.

Durante as buscas no interior da casa do suspeito, foi encontrado em um dos cômodos do imóvel um tablete de maconha prensada.

Ainda de acordo com Hugo Leonardo, Bruno já tinha sido preso anteriormente este ano, na cidade de Salvador/BA, com mais três comparsas, todos integrantes da facção criminosa denominada “Katiara”. "O grupo é responsável pelo ataque a uma equipe da 3ª Companhia Independente de Polícia Militar da  cidade de Cajazeiras/BA, ocorrido no dia no dia 07 de julho deste ano. Na oportunidade, dois policiais militares foram alvejados a tiros. Segundo a Polícia Civil baiana, os dois PMs ajudaram a reconhecer os envolvidos por meio de imagens de câmeras de segurança da localidade", explicou.

Bruno responderá pelo crime de tráfico de drogas e já encontra-se à disposição da Justiça. Segundo o delegado Hugo Leonardo, que comanda o caso, a polícia da Bahia já foi contatada a respeito da prisão do suspeito.

*Com informações da SSP/SE