Temer vence na Câmara com apoio maciço em Estados do Norte, Centro-Oeste e MG

O governo de Michel Temer (PMDB) teve apoio maciço de deputados das regiões Norte e Centro-Oeste, além de Minas Gerais, na votação desta quarta-feira (25) em que a Câmara barrou a investigação contra o presidente. Dos 487 deputado deputados presentes na Câmara, Temer recebeu 251 votos favoráveis.

A bancada mineira é a segunda maior da Casa, com 53 deputados. No total, 32 deles votaram "sim" pelo arquivamento da denúncia da PGR (Procuradoria-Geral da República), que acusa Temer dos crimes de organização criminosa e obstrução de Justiça. Outros 19 votaram pelo prosseguimento do processo. Mário Heringer (PDT-MG) não compareceu, e Rodrigo Pacheco (PMDB-MG) se absteve.

Temer também teve a maioria a seu favor nas bancadas de seis dos sete Estados do Norte: Amapá, Amazonas, Pará, Rondônia, Roraima e Tocantins. 

Na região Centro-Oeste, ganhou em três das quatro unidades da Federação: Distrito Federa, Goiás e Mato Grosso.

Os outros Estados cujas bancadas votaram majoritariamente a favor de Temer são Paraná, Rio Grande do Norte e Maranhão. 

O presidente também conseguiu sua vitória devido a votações expressivas a seu favor mesmo em Estados nos quais não conseguiu maioria contra a denúncia. Isso aconteceu com São Paulo, Rio de Janeiro, Bahia e Rio Grande do Sul, que reúnem algumas das maiores bancadas da Câmara. Somados, estes quatro Estados deram 79 dos 251 votos a Temer.

UOL