Amigo secreto: 44% vão optar para presentear neste Natal

Pesquisa realizada pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) e pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) revelou que 44% dos consumidores pretendem presentear parentes e amigos por meio de amigo secreto. O levantamento foi feito no final de novembro nas 27 capitais do país para identificar o percentual de quem pretendia ir às compras no Natal e o comportamento de consumo nesta que é a melhor data para o comércio.

A pesquisa revelou também que 18% dos que participarão de amigo oculto é, principalmente, porque gostam desse tipo de evento. Outros 18%, por considerar uma boa maneira de poder presentear alguém gastando menos dinheiro.

Entre os que têm intenção de participar, 48% pretendem participar apenas de um amigo-secreto e 40% de dois eventos, sendo a média geral de quase duas participações. As confraternizações serão realizadas principalmente com familiares (67%), colegas de trabalho (39%) e amigos (39%). O levantamento revela que o gasto médio pretendido com cada presente de amigo secreto é de R$ 61.

Considerando os 35% de consumidores que não vão participar de amigo secreto neste fim de ano, a principal justificativa é porque os parentes e amigos não têm o costume de fazer amigo secreto (19%), o receio de ganharem presentes indesejados ou ruins (10%), seguido da falta de dinheiro (6%).

Fan F1