Fábio Reis não pretende apoiar reforma da Previdência sem o financiamento da Caixa

Apenas Sergipe e Rio Grande do Norte não assinaram a Carta a Temer, de protesto dos governadores do Nordeste contra o ministro pitbull Carlos Marum que disse que os Estados só terão financiamentos da Caixa Econômica Federal e do BNDES se suas bancadas apoiarem o projeto de reforma da Previdência.

Quando foi provocado por Marum, o governador Jackson Barreto (MDB) manifestou indignação, mas garantiu dois votos: Laercio Oliveira (SD) e Fábio Reis (MDB).

Ontem, Laércio disse que pode votar a favor do projeto, "desde que sejam feitas algumas mudanças".

NE Notícias apurou que, sem a liberação antecipada do financiamento de R$ 560 milhões, pedido pelo Estado à Caixa, o deputado Fábio Reis não pretende votar a favor da reforma.

NE Noticias