DHPP investiga morte de ex-presidiário na avenida Hermes Fontes em Aracaju

A primeira Divisão do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) iniciou as investigações para apurar o homicídio que vitimou Nivaldo Rocha Cruz Filho, 30 anos. Ele foi baleado na avenida Hermes Fontes por volta de 0h30 deste sábado (20), não resistiu e faleceu.

Várias equipes da PM fizeram os primeiros atendimentos no local do crime. Uma mulher estava com Nivaldo no carro, foi atingida por disparos, mas foi atendida e encaminhada para o Hospital de Urgências.

Nivaldo já era investigado em inquéritos do Departamento de Narcóticos da Polícia Civil. Ex-presidiário, já havia sido preso em 2013 em uma abordagem do Grupamento Tático de Motos (Getam), quando os militares apreenderam meio quilo de cocaína e R$ 1.679,00 em dinheiro, nas proximidades da avenida Beira Mar.

Em outro processo, de 2009, foi preso em flagrante pela PM por tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo. Há três meses, homens armados tentaram matar Nivaldo, que foi atingido por três disparos nas costas.

Todos os procedimentos de local do crime foram feitos pelo DHPP e o boletim de ocorrência foi registrado, ainda na madrugada deste sábado (20), na Delegacia Plantonista Sul. Um inquérito policial será instaurado pela 1a Divisão do DHPP para investigar a morte de Nivaldo.

ITNET