Sergipe não é área de risco da febre amarela

Sergipe não está incluso entre os Estados indicados pelo Ministério da Saúde como área de risco para a febre amarela. Por este motivo, nem todas as pessoas, que residem no Estado, devem buscar a vacina contra a doença, cujas doses estão disponíveis em dez unidades de saúde instaladas na capital sergipana. A vacina é disponibilizada regularmente nos postos e de forma regular, durante todo o ano. “Não há motivo para pânico”, alerta a secretária municipal de saúde, Waneska Barboza.

Nesta segunda-feira, 22, a secretária municipal reuniu jornalistas e técnicos da área de saúde, para tranquilizar a população e fazer um apelo para que as pessoas não procurem a vacina de forma aleatória. “Quem já se vacinou em algum momento já está imunizado, não necessita mais da vacina”, adverte.

A Secretaria Municipal de Saúde distribui senhas em dez postos estratégicos na capital sergipana, onde estão disponibilizadas 1,2 mil doses diariamente. De acordo com a secretária, como Sergipe não é classificada como região endêmica, o município oferece dose padrão. Devem ser vacinadas, obrigatoriamente, aquelas pessoas que residem em Sergipe e estão com viagens programadas para as áreas endêmicas, conforme relação divulgada pelo Ministério da Saúde.

De acordo com a secretária, no Nordeste, o alerta está para os Estados da Bahia, Maranhão e Piauí. No momento, também estão em alerta, os Estados das regiões Sudeste, Centro Oeste e também no Norte. A maior preocupação está nos Estados de São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais, onde já ocorreram óbitos.

Aqueles que estão com viagem programada para as áreas classificadas endêmicas devem efetivamente buscar a vacina, desde que não tenha sido vacinados em algum outro momento. Trata-se de dose única e quem já tomou a dose já está imunizada, conforme alerta da secretária.

Aqueles que vão à procura da vacina, devem apresentar comprovante de viagem, seja o bilhetes de passagem, a declaração de trabalho, comprovante de inscrição em eventos, comprovante do local onde vão ficar hospedados, seja na rede hoteleira ou em residências de familiares ou conhecidos, e ainda o  relatório médico, se necessário. Os pacientes devem também apresentar o cartão de vacinação e o registro dos dados no SIPNI.

Cuidados

Conheça quem não deve ser vacinada:

- Pessoas com idade superior a 60 anos
- Crianças menores de seis meses de idade
- Mulheres que estejam amamentando
- Pessoa com história de alergia à proteína do ovo
- Pessoas com imunodepressão de qualquer natureza
- Pessoas com HIV
- Pessoas submetidas a transplante de órgãos
- Pessoas com imunodeficiência primária
- Pessoas com história pregressa de doenças do timo [miastemia gravis, timonia, casos de ausência do timo ou remoção cirúrgica]

Sintomas da doença

Em caso de descobrir os sintomas, os pacientes devem procurar imediatamente orientação médica. Conheça, a seguir, os sintomas da doença:
- Febre
- Calafrio
- Dor de cabeça intensa
- Dores no corpo
- Náuseas e vômitos
- Coloração amarelada na pela e da parte branca dos olhos
- Hemorragia, especialmente a partir do trato gastrointestinal
- Choque e insuficiência de múltiplos órgãos

Postos 

Conheça os Postos de Saúde onde a vacina está disponibilizada. Para organizar melhor fluxo e atender a necessidade da população, cada um dos dez postos está distribuindo 300 senhas diariamente, segundo a secretária.

Estão disponíveis 1,2 mil doses todos os dias nestes postos:

1 - Posto Sinhazinha = atendimento às quartas-feiras e sextas-feiras
2 - Posto Edézio Vieira de Melo = atendimento às segundas-feiras e quintas-feiras
3 – Posto Joaldo Barbosa = atendimento às terças-feiras e quartas-feiras
4 – Posto Augusto César Leite = atendimento às segundas-feiras e quartas-feiras
5 – Posto Maria do Céu = atendimento às terças-feiras e sextas-feiras
6 – Posto José Machado de Souza = atendimento às segundas-feiras e terças-feiras
7 – Posto Lauro Dantas = atendimento às quartas-feiras e sextas-feiras
8 – Posto Celso Daniel = atendimento às segundas-feiras e quintas-feiras
9 – Posto Marx Carvalho = atendimento às terças-feiras e quintas-feiras
10 – Ipes = atendimento às quintas-feiras

Infonet