Show pirotécnico encanta Sergipanos e Turistas na virada de ano

Abraçado à família, o policial militar Marheus Freire acompanhou atento o show pirotécnico que deu boas-vindas ao ano de 2018. Ele e milhares de pessoas prestigiaram o Réveillon de Aracaju e se encantaram com a queima de fogos que durou cerca de 15 minutos.

“Foi bonito, bem legal. Foi emocionante e uma forma bacana de começar o ano ao lado da família”, disse.

Quem também acompanhou animada a queima de fogos foi a autônoma Elisângela Carvalho. Acompanhada das amigas, ela veio da cidade de Carira passar a virada de ano em Aracaju e não se arrependeu. “Foi bonito demais. Que bom que retornou. Essa festa é linda, os fogos foram perfeitos. Próximo ano com fé em Deus eu estarei aqui de volta”, declarou.

O baiano Robenilton Batista Ramos também aprovou e se emocionou com o show pirotécnico do Réveillon de Aracaju. “Muito bonito. Ano passado a gente ficou sem. Achei muito bom que retornou esse ano. A gente começa o ano bem, feliz e emocionado”, finalizou.

Sobre o Réveillon

A festa de virada de ano da Orla da Atalaia foi realizada pela Prefeitura de Aracaju, em parceria com o Banco do Estado de Sergipe (Banese) e o Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros de Aracaju (Setransp).

A cantora sergipana Maysa Reis foi a primeira atração a subir no palco do Réveillon 2018, seguida do show da The Baggios. A contagem regressiva foi feita pelo prefeito Edvaldo Nogueira, que convidou o cantor Júlio Andrade, vocalista da banda The Baggios, para participar com ele. À meia noite, ocorreu a tradicional queima de fogos com duração de 15 minutos.

Nas primeiras horas de 2018 a animação de sergipanos e turistas ficou por conta da pernambucana Patusco.

Fax Aju