Amadense é goleado pelo o Sergipe e segue sem vencer na competição

O Sergipe está de volta à liderança do estadual. Na tarde deste domingo, o Mais Querido goleou o Amadense na Arena Batistão e ultrapassou o Itabaiana na tabela. Agora o alvirrubro está com 12 pontos em cinco jogos. O Amadense continua sem vencer no Campeonato Sergipano.

O Sergipe dominou a primeira etapa e abriu o placar cedo, logo aos 7 minutos, com Nino Guerreiro, atacante que estreava com a camisa rubra. Na sequência, ampliou com gol contra de Wberlan. Cristiano Alagoano ainda diminuiu de pênalti para o Amadense e recebeu cartão amarelo por ter provocado a torcida adversária.

No segundo tempo, o Sergipe continuou pressionando, mas não conseguia ampliar. O alvirrubro caiu um pouco de rendimento e deixou o Amadense gostar do jogo, mas aos 21 minutos Diogo fez um golaço e fez o terceiro do colorado. Depois disso só deu Mais Querido, que ainda teve tempo de fechar a conta com Léo, aos 34.

Na próxima rodada, o Sergipe enfrenta o Olímpico em Itabaianinha. Jogo está marcado para o sábado de carnaval, 10 de fevereiro, às 15h35 no Souzão. O Amadense terá uma folga maior, só joga agora na quarta-feira de cinzas, no Brejeirão, contra a equipe do Itabaiana, vice-líder do estadual, às 15h35.

Gols, pênalti e comemoração provocativa

Apesar de Marinho Donizete, logo aos 3 minutos, quase ter feito gol contra, quatro minutos depois o estreante Nino Guerreiro abriu o placar para o Sergipe após cruzamento na área. Aos 13, após cobrança de escanteio, Diogo pega a sobra, chuta e manda para fora. Nino estava ao lado pedindo o passe para sair cara a cara com o goleiro. O Sergipe manteve maior posse de bola e não deixava o Amadense jogar. Atacava e marca com eficiência.

Então, aos 20 minutos da etapa inicial, Em mais uma jogada pelo lado esquerdo de ataque do Sergipe, Clésio fez a defesa, a bola bateu em Wberlan e balançou a rede do Amadense. Gol contra no Batistão e o alvirrubro ampliava o placar: 2 a 0. Mais Querido trocava passes e esperava o momento certo para dar o bote no Leão. Carlinhos comandava as jogadas no setor de meio pelo alvirrubro. Os donos da casa perderam diversos gols, só Marinho Donizete perdeu dois.

Aos 38, após uma disputa de bola dentro da área, o árbitro disse que Diego Paulista derrubou jogador do Amadense e marcou pênalti para o Leão. Cristiano Alagoano cobrou e diminuiu. 

Na comemoração, provocou a torcida rubra e recebeu cartão amarelo. Antes de acabar a primeira etapa, o Sergipe ainda chegou algumas vezes, mas não conseguiu marcar o terceiro gol. Hudson teve a chance de empatar, porém também não conseguiu.

Sergipe faz mais 2 e reassume liderança

O segundo tempo começou com o Sergipe pressionando. Brendon arriscou de fora da área e assustou Clésio. Depois o goleiro fez grande defesa em chute de Lucas Dantas. Enquanto isso, Hudson e Cristiano Alagoano buscavam o empate pelo Leão do Rio Real. Quando o Amadense começou a gostar do jogo, aos 21 minutos, após um cruzamento do lado esquerdo, Nino Guerreiro chutou, a zaga desviou, Diogo pegou a sobra e mandou no ângulo. Um golaço e lei do ex aplicada no Batistão, já que ele já defendeu o Amadense.

E Léo, que havia entrado no lugar de Lucas Dantas, começou a buscar o gol dele também. Após tentar algumas vezes, aos 34, ele aproveitou o rebote, depois de a bola bater no travessão em chute de Brendon, e estufou a rede de Clésio. Goleada no Batistão. O Amadense não apresentou nenhum poder de reação, time não conseguia diminuir o placar e o Sergipe mantinha posse de bola e aguardava final da partida. E assim aconteceu. Vitória do Sergipe em casa, que volta à liderança do estadual.

Globo Esporte / SE