Falta de prova de vida bloqueia salários de aposentados

Os aposentados, que não fizeram a prova de vida, espécie de recadastramento anual, tiveram o salário de janeiro e o 13º bloqueados. De acordo com dados do Sergipe Previdência, aproximadamente 800 [de um total de 5000 segurados] tiveram os benefícios suspensos.

A prova de vida deve ser feita no mês de aniversário do beneficiário. Em Sergipe, o procedimento é obrigatório desde outubro de 2017, e pode ser feito em agências do Banese e no Sergipe Previdência.

A Assessoria de Comunicação do Sergipe Previdência explicou que os beneficiários que não fizeram a prova de vida até o dia 15 de janeiro de 2018, tiveram os pagamentos bloqueados.

Ainda de acordo com a instituição, aqueles que regularizarem a situação nesta quinta e sexta-feira, 15 e 16, receberão os salários na próxima segunda-feira, 19, por meio de folha suplementar. Quem perder esse pequeno prazo, ainda pode fazer a prova de vida, mas somente receberá os salários na folha de pagamento do mês de março.

Conforme o calendário de pagamento do Governo do Estado, os aposentados com vencimentos de até R$4.500 receberam integralmente no dia 10 de fevereiro. Quem ganha acima desse valor, receberá a segunda parcela dia 22 de fevereiro.

Fonte: Infonet