MDB quer candidato próprio a presidente, diz Temer em programa de TV

A RedeTV! exibiu na noite de 2ª feira (6.fev.2018) a participação do presidente Michel Temer no programa Mariana Godoy Entrevista. Temer defendeu a reforma da Previdência e respondeu perguntas de espectadores. A gravação foi feita na última 6ª (3.fev).

No programa, repetiu que não deseja ser candidato nas eleições de 2018. “Não penso nisso”, disse. Mas observou que o MDB pode lançar 1 candidato próprio: “Há essa perspectiva”. Para o presidente, o seu partido “pensa numa candidatura própria, sem dúvida”.

O presidente também disse querer apoiar alguém que defenda seu legado. Mas, perguntado a respeito de uma candidatura do seu ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, Michel desconversou: “Está em outro partido”.

REFORMA DA PREVIDÊNCIA

Michel Temer manteve a linha de argumentação que tem usado: disse que a reforma combate privilégios, iguala os setores público e privado, garante que as aposentadorias continuem sendo pagas no futuro e não prejudica a população de renda mais baixa.

O presidente diz acreditar que a reforma ainda pode ser aprovada. Questionado a respeito dos votos que faltam, Temer minimizou: “São só 40 votos”, disse. “tem 70 indecisos, e os indecisos podem eventualmente vir”. Afirmou que o governo pretende votar o projeto “no final de fevereiro, início de março” e que, caso não consiga nesse tempo, vai passar a outras pautas.

“Não há como deixar esse tema para o ano todo”, disse. “Se não for votado, aí fica difícil”. Nesse caso, afirma o presidente, o governo passa a se concentrar no projeto de simplificação tributária.

MÍDIA

Michel Temer tem focado nas últimas semanas na tentativa de diminuir a rejeição à reforma. Na 2ª feira anterior (29.jan), o presidente concedeu entrevista à Rádio Bandeirantes, em São Paulo. Temer também já conversou com o apresentador Amaury Jr., da Band, e com Silvio Santos e Ratinho, do SBT.

Nesta entrevista, Temer foi questionado pela jornalista Mariana Godoy a respeito da ‘romaria’ que tem feito pelos meios de comunicação. “Ajuda muito, porque o comunicador já tem a fidelidade de seu público”, comentou. “Acho que isto funciona”.

PODER 360