Sete cidades em estado de emergência por causa da seca em Sergipe

Sete municípios sergipanos tiveram reconhecida a situação de emergência pelo Ministério da Integração Nacional por conta da seca: Carira e Frei Paulo, na região agreste, e Canindé de São Francisco, Poço Redondo, Monte Alegre, Gararu e Porto da Folha no alto sertão.

De acordo com o tenente-coronel Alexandre Alves, diretor do Departamento Estadual de Proteção e Defesa Civil, o reconhecimento permite a manutenção de serviços de auxílio, como o fornecimento de caminhão-pipa nessas cidades. “A água é levada para as cisternas de povoados, que permitem que a população tenha acesso".

A classificação destas cidades não é nova. Em janeiro do ano passado, eram 20 municípios sergipanos em estado de alerta. No entanto, as chuvas no fim de 2017 fizeram com que a quantidade de locais em emergência fosse reduzida a sete.

A portaria publicada no Diário Oficial da União, colocando Sergipe na lista junto com os estados da Bahia, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Paraná e São Paulo, permite que os municípios peçam apoio da Defesa Civil Nacional. Para solicitar ajuda, deve ser elaborado um relatório contendo diagnóstico dos dados e planos de resposta.

Com informações da Agência Brasil