Suzane Richthofen pode ser solta em breve

A juíza Wania Regina Cunha, da Vara de Execucões Criminais (VEC) de Taubaté (SP), dispensou a necessidade de exame psiquiátrico para decidir sobre a concessão do regime aberto de Suzane Richthofen.

Com a decisão Suzane pode sair da penitenciaria ainda este mês. O exame é chamado de teste Rorschach e é uma análise psicológica que revela características da personalidade do paciente.

Suzane foi condenada em 2006 a assassinar os pais junto aos irmãos cravinhos, um deles era seu namorado, em função da herança que iria ganhar. A detenta já cumpre regime semi-aberto desde 2015, com direito a cinco saídas durante o ano.