Polícia Civil desmonta organização criminosa em Itabaianinha (SE)

Nas primeiras horas de ontem 28/02, logo que o sol raiou, equipes das delegacia de Itabaianinha, com apoio da delegacia de Tobias Barreto, bem como uma equipe da Superintendência da Polícia Civil Sergipe, realizaram a Operação Cruzeiro, apreendendo 4 armas de fogo, muita munição, maconha e crack, além de cerca de R$ 2.400, 00 em dinheiro.

O delegado Francisco Gerlandio, titular de Itabaianinha explicou que a operação decorreu dos levantamentos feitos pela própria equipe de investigações da cidade, mas que, em razão da periculosidade é articulação do grupo criminoso, tiveram ajuda da Divisão de Inteligência - DIPOL.

Foram presas quatro pessoas, sendo uma mulher, que é a líder da organização. Foram apreendidos também dois adolescentes, mas tiveram de ser liberados logo em seguida, por conta da legislação.

Graças a um trabalho de paciência, os policiais conseguiram provas de que o grupo trafica drogas e na última segunda feira invadiram o povoado Taboca, e agindo com muita ousadia dispararam dezenas de tiros no local, o que chamou a atenção da Polícia pela quantidade de munição utilizada pelos infratores.

Eles explicaram que foram se vingar de um senhor chamado Josenilton, conhecido por Jojo. 
A líder Ediana disse que já tinha ameaçado a vítima no passado, de que iria matá-lo e que passou o final de semana à procura dele.

Ela é explicou que um filho de Josenilton engravidou uma filha dela, e isso a Sra Ediana nunca aceitou. Disse ainda que embora esteja presa agora não mudou de ideia e matará a vítima assim que o vir.


O Sr Josenilton Batista, verdureiro que trabalhava próximo do Gbarbosa, já se mudou de Itabaianinha, com medo de morrer.

Igor Macedo Alves, mais conhecido Igor Cego, estava foragido de Itabaianinha e retornou apenas para dar apoio ao grupo nessa busca de matar Josenilton.

Disse que três das armas apreendidas eram dele e que participou do crime apenas por consideracao a seus parceiros.

A Polícia Civil investiga se a motivação do crime foi o controle por pontos de drogas. "Dias antes tentaram matar a Sra Edriana e nossas diligências já indicavam que continua traficando, após ter deliberada da prisão.

Foram autuados em flagrante: DEIVID DOS SANTOS NASCIMENTO, IGOR MACEDO ALVES, EDIANA ALVES SANTOS E FABIO JOSÉ DOS SANTOS. Como no momento da prisão, IGOR MACEDO fugia num táxi, a Polícia vai investigar se esse carro era utilizado para transportar drogas e armas também. Uma perícia será feita nos próximos dias no veículo.

As investigações continuam, mais pessoas estão sendo ouvidas e a Polícia reforça a importância do 181, ferramenta que permite a comunicação anônima crimes.

O delegado de Tobias Barreto, Fábio Alan anunciou que o objetivo é integrar as unidades policiais do Sul de Estado, de forma a permitir um combate mais incisivo à criminalidade.

Diante das provas colhidas pelos investigadores, a Justiça já se manifestou e todos os indiciados seguirão presos durante o processo.

Reportagem: Rogério Monteiro o repórter do povo.
Fonte: Polícia Civil de Itabaianinha