Vereadora do PSOL é assassinada a tiros no centro do Rio de Janeiro

A vereadora Marielle Franco, do PSOL, foi morta a tiros na Rua Joaquim Palhares, Região Central do Rio, na noite desta quarta-feira (14). As circunstância do crime indicam uma execução.

Formada em sociologia, Marielle foi a quinta vereadora mais votada do Rio.

Segundo informações do jornal O Globo, que ouviu policiais do 4° BPM (São Cristóvão), ela foi executada dentro de um carro. Ela e um motorista morreram no local.

Segundo as primeiras informações da PM, os executores usaram um carro, que emparelhou ao lado do veículo onde estava a vereadora, dispararam e fugiram. O caso vai ser investigado pela Delegacia de Homicídios da Capital (DH). No dia 11 de março, três dias antes de ser assassinada, Marielle Franco denunciou a PM por assassinatos e truculência na favela de Acari.

Por: O Globo