“Vou processar o governador Jackson Barreto”, afirma Valmir Monteiro

Em entrevista ao Jornal da fan desta segunda-feira, 26, o prefeito do município de Lagarto, Valmir Monteiro (PSC), informou que irá processar o governador do estado de Sergipe, Jackson Barreto (MDB) por calúnia. De acordo com Valmir, as acusações de que taxas abusivas estariam sendo cobradas pela prefeitura, aos feirantes que desejam ocupar boxes no Mercado Municipal de Lagarto, não procedem.

“A prefeitura apenas cobrou 1400 reais divido para 48 vezes. Esse valor não paga nem o granito colocado nas bancas. O valor cobrado é simbólico e foi cobrado apenas para organizar”, afirmou o prefeito, que elogiou a obra do Governo do Estado.

A conterrânea de Valmir, deputada estadual Goretti Reis (MDB), também participou do Jornal da Fan, e fez várias criticas ao prefeito Valmir Monteiro. Segundo ela, as taxas cobradas chegam aos R$ 40 mil reais e isso está descrito no edital para ocupação dos boxes. ” É mesmo que um leilão, quem paga mais, ganha. Valmir precisa ter conhecimento real dos valores que os comerciantes pagaram naqueles boxes”, criticou.

O prefeito, disse que a atitude da parlamentar tem a proposta de tumultuar o cenário político. E que vai tomar providências.

Mudanças de Partido

Durante a entrevista Goretti, ainda falou sobre as eleições deste ano. A deputada vai disputar mais um mandato, só que ainda não definiu por qual partido. “Pode ser que eu volte para o DEM. Ainda há muito o que se conversar, mas até o dia 5 de abril eu terei a definição. Estar do MDB, no momento é motivo de insatisfação, principalmente por conta da ligação com Temer”, pontuou.

Por FAN F1