Almeida se desliga da diretoria da Fundação Hospitalar

No final da manhã desta última segunda-feira, 23, o secretário de Estado da Saúde, Almeida Lima, reuniu o Conselho Curador que rege a Fundação Hospitalar de Saúde (FHS) para anunciar a sua decisão desse descompatibilizar da Diretoria Geral da entidade, cargo que respondia interinamente. Com isso, o secretário atende a uma deliberação do Tribunal de Contas de Sergipe, que determinou ao gestor escolher entre a Secretaria de Estado da Saúde e a FHS, desacumulando os cargos que vinha gerindo desde o ano passado.

O acúmulo do cargo de secretário de Estado da Saúde e diretor geral da FHS por Almeida Lima é do conhecimento da Justiça e dos Ministérios Públicos Federal e Estadual, considerando que o objetivo era a unicidade da gestão da saúde de Sergipe, viabilizando, inclusive, melhor aplicabilidade dos recursos financeiros.

Durante a reunião, os conselheiros ponderaram o ato de renúncia do secretário, mesmo depois de este ter dito que seria de caráter irrevogável, sugerindo que Almeida pedisse o afastamento do cargo, submetendo a decisão a análise dos demais órgãos , como também do governador, uma vez que todos os contratos já estão sendo geridos pela Secretaria de Estado da Saúde, ficando com a Fundação Hospitalar de Saúde apenas a administração dos recursos humanos.

Com a renúncia do diretor geral interino, por força da decisão do TCE, a diretoria será acumulada pelo diretor administrativo e financeiro da Fundação, Ramon Guerra, até que o governador tome conhecimento do ocorrido na reunião do Conselho Curador, que também poderá, se assim entender,nomear o diretor geral definitivo.

Fonte: SES