CLIMA TENSO EM ITAPICURU: Prefeito Magno Souza discute com ciganos em plena praça pública

Tudo aconteceu na tarde dessa quinta-feira (03), quando o Prefeito foi abordado por ciganos em frente à praça da rodoviária.

De acordo com testemunhas que passavam pelo local, o Prefeito Magno Souza teria dito que não iria pagar dívida nenhuma, que os ciganos fossem a trás do ex-prefeito José Moreira.

Lembrando que o Prefeito atual foi apoiado pelo ex-prefeito, e o rompimento entre os dois teria acontecido justamente por causa dessa dívida que o ex-prefeito queria que Magno pagasse. 

 Quem passava pelo local, viu o Prefeito Magno alterado, dizendo que iria procurar a Polícia Federal para formalizar uma denúncia. 

De acordo com informações, o prefeito de Itapicuru tem sido pressionado constantemente por ciganos, que tem pressionando também a família dele. O CASO PODE PARAR NA POLÍCIA FEDERAL.

O município de Itapicuru já foi alvo de investigação da polícia federal.  O Ministério Público Federal (MPF) denunciou o prefeito do município Itapicuru (BA), José Moreira de Carvalho Neto, por lavagem de dinheiro que envolve montante superior a R$ 500 mil. Também foram denunciados a secretária de Desenvolvimento Social do município e companheira do prefeito, Rosinere Moreira Rabelo Silva, e o empresário Kells Belarmino Mendes – envolvido em fraudes em 20 municípios baianos.

Em outubro de 2015, a Operação Águia de Haia já tinha alcançado o prefeito por desvio de recursos em razão de contratações ilícitas superiores a R$ 7 milhões. A denúncia envolvia também o deputado estadual Carlos Ubaldino de Santana, a secretária de Educação do município, Florinda Caldas Barreto de Oliveira, além de outros oito denunciados.