Jovem morre após sofrer descarga elétrica em celular carregando

Um jovem de 22 anos morreu na madrugada desta última sexta-feira (15) após receber uma descarga elétrica enquanto usava o celular no momento em que ele estava sendo carregado em Taubaté, no interior de São Paulo. O rapaz sofreu nove paradas cardiorrespiratórias após o acidente e morreu no hospital.

Lucas Jean Marsola foi atendido em casa pelo Corpo de Bombeiros e levado para o Pronto-Socorro Municipal pela equipe de resgate do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) por volta das 16h de quinta (14), mas não resistiu.

O jovem usava fones de ouvido e jogava enquanto carregava a bateria do celular. Após receber a descarga elétrica ele desmaiou. De acordo com a equipe de resgate, a caminho do hospital ele sofreu uma parada cardiorrespiratória, que logo foi controlada.

Já na unidade de saúde, Marsola teve mais oito paradas cardíacas e não resistiu.

"A descarga elétrica modifica o ritmo cardíaco normal e impede o fluxo adequado do sangue. Como o coração jovem é mais forte, ele tenta bombear mais vezes, podendo provocar mais paradas cardiorrespiratórias", diz Thiago Almeida, gerente de operações do Samu.

Mesmo produzidos com sistemas de segurança, aparelhos conectados a fontes de energia oferecem risco de descarga elétrica.

"Se for necessário o uso do celular durante a recarga da bateria, é importante que se faça o uso de baterias portáteis", explica Glaucio Cafalchio, capitão do Corpo de Bombeiros. 

A Polícia Civil fará uma perícia para investigar o caso.