Série C: Confiança e Juazeirense empatam em 1 a 1

A maldição dos empates dentro de casa continua para o Confiança. Na noite deste sábado, 16, pela primeira rodada do returno da Série C, o Dragão esbarrou na falta de pontaria e de criatividade e apenas arrancou um 1 a 1 com o Juazeirense-BA em pleno estádio Lourival Baptista. Victor Sapo abriu o placar para o time baiano, e Léo Ceará, de pênalti, empatou para o time sergipano.

Com o resultado, o Confiança soma 17 pontos na vice-liderança da tabela. Na próxima rodada, o time azulino irá visitar o Salgueiro no sábado, 23.

O jogo

A chuva deu um tempero a mais no cuidado dos jogadores em tocar na bola – e na insistência em chutes de fora da área. Logo aos 3, o Juazeirense ganhou uma falta na entrada da área – que Tardelli bateu forte, mas Genivaldo pegou. A partir daí, só o time de Juazeiro atacou, quase sempre pelo lado direito. Em um dos inúmeros escanteios obtidos naquele setor, saiu o primeiro gol do jogo. Após cruzamento da direita, a bola foi desviada e parou no segundo pau, onde Victor Sapo, sozinho, empurrou a bola pra dentro: 1 a 0.

Com a bola molhada, a tônica das conclusões parecia mesmo apostar na pouca aderência da redonda. Foi o que Everton fez aos 14, em chute que Andrade pegou; e Rafael Villa aos 15, em mais um teste no qual Andrade foi aprovado. Aos 21, foi a vez de Toni Galego mandar um torpedo pra fora. Aos 39, Léo Ceará mandou um canudo de longe, a bola desviou na zaga e passou por cima do ângulo direito. E o Confiança seguia com grande dificuldade de criação até que, aos 46 minutos, Léo Ceará foi derrubado na área por Eron: pênalti e cartão vermelho para o zagueiro. O próprio Léo foi para a cobrança e bateu no canto direito para igualar tudo: 1 a 1.

Na segunda etapa, logo aos 15 segundos, Rafael Villa foi acionado por Iago na entrada da área e mandou um torpedo por cima. Com um jogador a mais na partida, o anfitrião dava a impressão de que viraria o jogo em pouco tempo. Mas todas as oportunidades seriam desperdiçadas. Aos 9, após cruzamento da direita, Léo Ceará surgiu sozinho na pequena área e mandou pra fora. Aos 10, Iago mandou de fora da área e obrigou Andrade a fazer defesa em dois tempos. Pouco depois, Luizinho Lopes atendeu o desejo da torcida e colocou Tito – que entrou no lugar de Flávio.

Mas o reforço no ataque não adiantaria – até porque, aos 31, Léo Ceará fez falta por trás, levou o segundo amarelo e foi expulso. Aos 34, Tito ainda recebeu na entrada da área e chutou de canhota no canto, pra fora. O Juazeirense ainda encontrou forças para concluir a gol aos 42, em cobrança de falta de Tardelli pra fora. Mas nada mais alterou o placar até o apito final – e o Confiança, vaiado na saída, amargou mais um empate dentro do Batistão.

FICHA TÉCNICA

Confiança 1 x 1 Juazeirense

Gols: Victor Sapo (12’ 1t), Léo Ceará (47’ 1t)

CONFIANÇA

Genivaldo, Ângelo, Gabriel, Vinicius Simon, Flávio (Tito), Diogo, Everton, Rafael Villa, Léo Ceará, Raí (Frontini), Iago (Caxito)

JUAZEIRENSE

Andrade, Carlinhos, Júnior Gaúcho, Eron, Waguinho, Deca, Toni Galego, Capone (Rodolfo Potiguar), Victor Sapo (Cascata), Juninho Tardelli, Jussimar (Emílio)

Cartões amarelos: Gabriel, Vinicius Simon, Rafael Villa, Léo Ceará, Eron, Waguinho, Deca
Cartões vermelhos: Eron, Léo Ceará

Renda: R$ 45.083
Público total: 3838

Por: Portal Infonet