.

Para voltar a vencer no Brasileiro, Léo Ceará quer time jogando "mais que 100%"

São seis empates e duas derrotas nos últimos jogos. No mais recente, o Confiança perdeu algumas oportunidades e depois acabou sendo goleado pelo ABC em Natal, definitivamente não era o dia do Dragão do Bairro Industrial.

- Temos que esquecer esse jogo (contra o ABC), foi um jogo muito abaixo do que a gente vem fazendo na competição. Acabamos tomando gols bestas. Logo no começo do jogo, eu tive uma chance de fazer um gol, de dentro da área, e eu acabei acertando a trave. Se tivesse feito o gol, a história poderia ter sido diferente, mas tem dia que a bola não entra e nada dá certo, foi isso que aconteceu no último jogo - comentou o atacante Léo Ceará.

A chance de reabilitação vai ser contra o Remo, lanterna do Grupo A do Campeonato Brasileiro da Série C. O Confiança encara o clube paraense no próximo domingo, às 19 horas, na Arena Batistão. Por conta da queda de rendimento, Léo Ceará foi questionado sobre algum problema no grupo, mas ele descartou.

- Agora não tem muito o que ficar falando. É trabalhar, trabalhar e tentar resolver a situação. Não há problema nenhum dentro do nosso grupo. O elenco é muito unido, esse é o nosso ponto forte. Os resultados não estão vindo, mas sabemos do nosso potencial. Sabemos o que já fizemos até agora na competição. Precisamos continuar trabalhando ao máximo - explicou Léo Ceará.

O artilheiro do Confiança na Série C com 7 gols, e na temporada com 14, disse ainda que mesmo com muito esforço o grupo não tem conseguido vencer. Por isso, ele quer um time ainda mais aguerrido na próxima partida.

- Estávamos dando nosso 100%, mas as vitórias não estão vindo. Então precisamos dar 110, 120, 130% para quem sabe a gente conseguir a vitória. Agora está complicado, faltam só quatro jogos para acabar a primeira fase, para tentar classificar, então sabemos que temos que vencer o mais rápido possível - afirmou Léo Ceará.

Fonte: Globo Esporte / SE