Assessoria da campanha de Lula justifica patrimônio de R$ 7,9 milhões do ex-presidente

A assessoria do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva – candidato do PT ao Palácio do Planalto – divulgou uma nota nesta quinta-feira (16) no site oficial da campanha para justificar o patrimônio de R$ 7,9 milhões do petista. O comunicado afirma que o patrimônio dele é "fruto de palestras como ex-presidente".

Na quarta-feira (15), o ex-presidente, que está preso em Curitiba desde abril, teve que declarar seu patrimônio ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) ao protocolar na Corte o pedido de registro de candidatura.

Conforme a assessoria, entre 2011 e 2015 – quando já não era mais presidente da República – Lula fez 70 palestras contratadas por 41 empresas e instituições, entre as quais as multinacionais Microsoft e a Pirelli.

"O ex-presidente foi remunerado de acordo com sua projeção internacional e recolheu os devidos impostos", ressalta trecho do comunicado.

O patrimônio de Lula é o quarto maior entre os candidatos à Presidência da República. Declararam mais bens que o ex-presidente os candidatos João Amoêdo (R$ 425.066.485,46), Henrique Meirelles (R$377.496.700,70) e João Goulart Filho (R$ 8.591.035,79).

De acordo com a assessoria do PT, o patrimônio de quase R$ 8 milhões do ex-presidente inclui todos os bens em nome de Lula, como imóveis, investimentos e veículos.

"A legislação brasileira não impede que ex-presidentes deem palestras, pelo contrário. No Brasil, é costume de muitas empresas e instituições contratar palestras de políticos, jornalistas, esportistas e artistas para reunir seus funcionários, colaboradores ou diretores e não deve causar estranheza que alguém com a trajetória de Lula receba semelhantes convites", afirma outro trecho da nota.

Veja a lista de bens declarados por Lula ao TSE

Tipo    Valor (em R$ )
Terreno    5.466,90
Crédito decorrente de empréstimo    50.000,00
Depósito bancário em conta corrente no país    292,38
Veículo automotor terrestre: caminhão, automóvel, moto etc.    96.950,00
Terreno    530.000,00
Crédito decorrente de alienação    179.298,96
Depósito bancário em conta corrente no país    1,00
Terreno    260.000,00
Veículo automotor terrestre: caminhão, automóvel, moto etc.    170.000,00
Aplicação de renda fixa (CDB, RDB e outros)    4.801,24
Caderneta de poupança    3.866,99
Apartamento    38.334,67
Apartamento    38.334,67
Quotas ou quinhões de capital    98.000,00
Fundo de curto prazo    5.813,55
VGBL    6.300.000,00
Apartamento    189.142,50
Depósito bancário em conta corrente no país    16.993,25
Fundo de investimento imobiliário    625,46