Confiança emite nota de repúdio sobre preconceito sofrido no Acre durante jogo

Na tarde desta quarta-feira o Confiança divulgou uma nota de repúdio em relação a um episódio que ocorreu no último final de semana, quando o Dragão foi ao Acre enfrentar o Atlético-AC.

Na publicação, o clube informou que torcedores da equipe acreana insultaram os jogadores proletários. Confira na íntegra o texto e depois veja algumas imagens do ocorrido no estádio Florestão em jogo válido pela décima sétima rodada do Grupo A da Série C, que terminou com a goleada do Confiança por 3 a 0.

"A diretoria da Associação Desportiva Confiança vem a público lamentar e repudiar profundamente o episódio ocorrido no último jogo onde o Confiança venceu o Atlético Acreano por 3 a 0. Torcedores do clube acreano insultaram os atletas azulinos de forma execrável e xenofóbica.

A Associação Desportiva Confiança é um clube de raizes populares. Nossa história é completamente avessa a qualquer tipo de movimento preconceituoso. Respeitamos todos os clubes de todas as regiões. E temos profunda empatia com os co-irmãos do Norte e do Nordeste, colegas militantes no combate ao preconceito e xenofobismo. Nosso povo tem orgulho do nosso clube e da nossa história. E nosso clube, de forma recíproca, tem muito orgulho das suas raizes sergipanas e nordestinas.

Além de nordestinos, somos todos brasileiros. Filhos de uma pátria miscigenada, batalhadora e vencedora. E grande parte das conquistas e vitórias nacionais foram erguidas com suor e sangue nordestino. Foi assim e é assim até hoje.

Respeitar para ser respeitado. Essa é a nossa prática. Hoje e sempre. O povo sergipano é hospitaleiro por natureza. Recebemos bem nossos visitantes e continuaremos agindo dessa forma. Optamos por combater o mal com o bem. Somos aracajuanos. Somos sergipanos. Somos nordestinos. Somos brasileiros. Somos Confiança em todo Brasil."

Rivais sim, inimigos não: O assunto é tão sério que até uma página que faz resenha com o Confiança resolveu se pronunciar sobre o ocorrido com seriedade e publicou um texto junto com um vídeo no qual mostra uma parte da transmissão do Esporte Interativo, que é possível ouvir claramente alguns dos insultos citados pela diretoria na nota de repúdio.

Fonte: Globo Esporte / SE