Laércio Oliveira triplicou e Pastor Jony duplicou patrimônio em quatro anos

Os deputados federais, Laércio Oliveira (PP) e Pastor Jony (PRB) tiveram substancial aumento de patrimônio nos últimos quatro anos. É o que se constata ao avaliar as declarações entregues ao Tribunal Regional Eleitoral de Sergipe (TRE-SE) em 2018.

O Fan F1 buscou analisar as informações do pleito de 2014 e comparar com a declaração de 2018. Os demais parlamentares que disputarão à reeleição mantiveram o mesmo patamar, com pequenos acréscimos ou decréscimos. O deputado federal e candidato a governador Valadares Filho (PSB) também teve aumento de patrimônio que chama atenção.

Compare:

Declaração de bens em 2014

Adelson Barreto (PTB) R$ 495. 000,00
André Moura (PSC) R$ 963.317,53
Laércio Oliveira (SD) R$1.131.831,36
Fábio Mitidieri (PSD) R$912.613,63
Fábio Reis (PMDB) R$136.193,96
Valadares Filho (PSB) R$355.795,45
Pastor Jony (PRB) R$410.000,00
João Daniel (PT) não declarou
Declaração de bens em 2018

Adelson Barreto (PTB) R$483.000,00
André Moura (PSC) R$1.178.690,72
Laércio Oliveira (SD) R$3.388.908,71
Fábio Mitidieri (PSD) R$911.680,66
Fábio Reis (PMDB) R$685.439,08
Valadares Filho (PSB) R$602.900,90
Pastor Jony (PRB) R$1.091.000,00
João Daniel (PT) R$48.237,14

Entramos em contato com os parlamentares através de suas assessorias ou em contato direto. Cada um apresentou posicionamento sobre os fatos.

Valadares Filho – O aumento de patrimônio do deputado está justificado no valor do apartamento declarado. Em 2014, o bem valia R$ 220.000,00, na declaração atual, o bem está no valor de R$ 550.000,00. Segundo informações da assessoria, ele mora no mesmo apartamento desde a primeira eleição.

Laércio Oliveira – Consta na declaração de 2018 e não constavam na declaração de 2014, um apartamento de R$ 2,5 milhões. O apartamento declarado em 2014, foi no valor de R$932.961,61. A caderneta de poupança atual no valor de R$ 421 mil, em 2014, era de R$ 37 mil. Quotas ou quinhões de capital no valor de R$ 280.450,00 que em 2014 não foram declaradas.

Pastor Jony – A declaração de 2014 do deputado traz um apartamento e um veículo. A de 2018, o número de veículos quadruplicou, o apartamento declarado sai do valor de R$ 350 mil para R$ 600 mil. Outra novidade são quotas ou quinhões de capital, no valor de R$ 340 mil. Segundo Jony, esta quota não representa participação em uma empresa em atividade. “Não tenho quota em empresa, essa era uma pequena empresa que meu pai tinha, ele precisava fechar para se aposentar porque ele é funcionário público, aí transferiu para meu nome”, afirmou o deputado.

Sobre os veículos, Jony afirmou que um deles se trata de um carro de som, que utiliza para campanha, um outro se refere a uma quase carcaça que não tem mais utilidade. Quanto ao apartamento ele assegurou ser o mesmo. “Moro no mesmo local, nem acho que valha esse valor todo, mas os contadores vão nos orientando a sempre colocar o valor de mercado”, explicou.

Tentamos contato com o deputado Laércio Oliveira mas ele não atendeu nossas ligações. A assessoria de comunicação do parlamentar ficou de enviar posicionamento. A matéria será atualizada assim que receber informações.

Fonte: FAN F1