Polícia Federal realiza operação em Aracaju e mais 7 Municípios de Sergipe

Agentes da Polícia Federal e da Controladoria Geral da União (CGU), estão realizando desde as primeiras horas desta quinta-feira (16) uma operação denominada “Marcha a Ré” em Aracaju e vários municípios do estado. Em Aracaju, os agentes estiveram em uma empresa de ônibus que estaria sendo investigada seria sobre transporte de estudantes.

Estão sendo cumpridos 13 mandados de busca e apreensão nas sedes da Secretaria de Estado da Educação (SEED) e das empresas envolvidas. Cerca de 70 policiais federais de seis auditores da CGU estão nas cidades de Aracaju, Boquim, Estância, Lagarto, Nossa Senhora das Dores, Nossa Senhora do Socorro e São Cristóvão.

A ação da PF visa desarticular organização responsável por fraudar licitações e desviar recursos federais destinados ao transporte escolar no Estado de Sergipe e em prefeituras municipais, custeados pelo Programa Nacional de Apoio ao Transporte Escolar (Pnate) e pelo Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb).

Segundo a assessoria de comunicação da PF, após fiscalizações da CGU e diligências realizadas por agentes da PF foram identificadas inconformidades na definição do preço de referência de um pregão eletrônico, pelo qual o Governo do Estado de Sergipe celebrou diversos contratos de prestação de serviço de transporte escolar entre os anos de 2014 e 2017. Também foram observados indícios de formação de cartel e conluio entre empresas participantes da licitação, a fim de frustrar a legítima concorrência e majorar preços indevidamente.

Fonte: Fax Aju