.

Polícia ainda não identificou assassinos do sargento Ronaldo Bispo

Quase uma semana após a morte do sargento Ronaldo Bispo, a Polícia Civil ainda não conseguiu identificar e prender os homens envolvidos no latrocínio (roubo com morte). As investigações estão a cargo do Complexo de Operações Policiais Especiais (Cope).

De acordo com a Secretaria da Segurança (SSP), apesar de já ter divulgado imagens do rosto dos dois suspeitos e também do veículo que eles teriam usado na fuga, os investigadores ainda não têm a qualificação da dupla, mas continua trabalhando em informações que foram recebidas via denúncias anônimas.

Ainda segundo a SSP, os detalhes da apuração estão sendo mantidos em sigilo para não comprometer a elucidação do caso. Imagens das câmeras de segurança mostram a ação dos criminosos em frente a um estabelecimento comercial no povoado Nova Descoberta, zona rural do município de Itaporanga D’Ajuda, na quinta-feira (10) da semana passada.

A população pode colaborar com as investigações de forma anônima através do  Disque Denúncia 181.

Fonte: F5 News