.

SSP diz que assassinos de sargento da PM fugiram em Crosfox

A Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP) tem convicção que os dois assaltantes envolvidos na morte do sargento reformado da Polícia Militar de Sergipe, Ronaldo Bispo dos Santos, fugiram em um Crosfox de cor preta. Durante a ação dos assaltantes, o veículo estava estacionado às margens da rodovia, no lado oposto, praticamente em frente à mercearia onde o crime aconteceu.

O assalto, que culminou com a morte do PM, continua sendo investigado pela equipe do Complexo de Operações Policiais Especiais (Cope) da SSP, que está trabalhando para identificar o veículo e prender os acusados. De acordo com informações da assessoria de imprensa da SSP, a princípio apenas dois homens participaram dessa ação criminosa.

Nas imagens capturadas pelas câmeras de segurança, eles aparecem circulando dentro da mercearia e também são visualizados a pé, transitando na via antes de entrar na casa comercial. A polícia entende que eles chegaram naquele carro, que foi usado na fuga.

Cárcere

Nenhum suspeito foi preso. Durante as diligências, realizadas na quarta-feira, 10, a polícia identificou um criminoso que invadiu uma casa e manteve uma família refém no povoado Aguada, em Carmópolis. No primeiro momento, houve suspeita do envolvendo do rapaz que foi preso em flagrante por cárcere privado na morte do policial militar. Mas, posteriormente, a SSP descartou esta possibilidade. O acusado foi preso em flagrante por cárcere privado e continua na prisão.


Fonte: Portal Infonet