.

Vitória sobre Dorense dá esperança e motiva elenco do Olímpico para rodada decisiva

Em três vitórias e três empates em seis jogos na primeira fase do Campeonato Sergipano. O Dorense chegou a ser vice-líder e no início da oitava rodada acabou perdendo a posição para o Lagarto, que venceu o Confiança. No último sábado, a equipe de Nossa Senhora das Dores teve a oportunidade de retomar a posição, mas foi derrotada pelo Olímpico do atacante Amauri, que marcou na partida.

- Foi uma vitória muito importante! Apesar de sairmos atrás no placar, não perdermos o foco e fomos em busca da vitória. Graças a Deus viramos o jogo e garantimos os três pontos para "sair da UTI" e manter as esperanças de permanecer na primeira divisão - afirmou o atacante Amauri.

Como bem disse o atacante, se o Dragão da Zona Sul não tivesse vencido, já estaria rebaixado, como foi o caso do Guarany de Porto da Folha, o primeiro a ser confirmado na Série A2 do Campeonato Sergipano. De qualquer forma, o Olímpico precisa vencer o Sergipe na última rodada e torcer por uma combinação de resultados para não "cair".

- Precisamos manter o foco. Essa vitória sobre o Dorense nos motiva ainda mais para não "cairmos", mas vamos enfrentar uma grande equipe. O Sergipe contratou um excelente treinador, o professor Leandro Campos, que já tem história no futebol sergipano. A contratação vai servir de motivação para eles. Precisamos buscar as oportunidades do jogo. De preferência, fazer um bom jogo, tentar a vitória, já que só ela nos livrará da Segundona. O Sergipe já está classificado e nós, jogadores, vamos buscar a sobrevivência do Olímpico - explicou Amauri.

Amauri tinha tudo pra ser titular da equipe, pois foi bem na pré-temporada, mas uma lesão o atrapalhou. Mesmo assim, o atacante conseguiu ajudar o Olímpico. Na primeira partida que jogou, marcou dois gols. E, na mais recente, fez o terceiro gol dele no estadual, tem apenas um a menos que o artilheiro parcial do campeonato, Leandro Love, do Sergipe.

- Quando o meu empresário Marcelo Reis fez a proposta de vir para o Olímpico jogar ao lado do Cambalhota, fiquei motivado, pois já havíamos jogado juntos. O maior problema foi que às vésperas do início do campeonato tive uma lesão na coxa esquerda, fiquei de fora de todos estes jogos, infelizmente não pude ajudar os companheiros a vencer as partidas. Quando me recuperei, só fiz me doar em campo. Por conta da lesão só fiz dois jogos e, com as bênçãos de Deus, fiz três gols. Na minha estreia fiz dois e agora contra o Dorense mais um, sacramentado a primeira vitória do clube no estadual. Acredito que se tivesse jogado um pouco mais, poderia ter contribuído junto com os companheiros - comentou Amauri.

O Dragão da Zona Sul voltará a campo pelo estadual no próximo sábado em Aracaju. O jogo contra o Sergipe está previsto para acontecer às 16 horas, mesmo horário do duelo entre Itabaiana e Frei Paulistano, que acontecerá em Nossa Senhora da Glória.

- Sei que o nosso compromisso é difícil. Mesmo com todas as dificuldades que estamos passando aqui no clube, vamos continuar motivados e pedir aos empresários de Itabaianinha que ajudem o clube. A cidade gosta de futebol, os torcedores merecem ter um time competitivo, com melhor estrutura de trabalho. Somos guerreiros e não vamos desistir nunca. Temos uma semana cheia para trabalhar, a torcida pode contar conosco, pois irei me doar muito mais. Se vier gol, só terei a agradecer ao bom Deus porque ele sabe o tanto que estamos trabalhando com foco e fé - finalizou o atacante do Olímpico.

Fonte: Globo Esporte / SE