.

Deputado Ibrain Monteiro é absolvido pelo TRE/SE

Na tarde desta terça-feira (20), o pleno do Tribunal Regional Eleitoral de Sergipe (TRE/SE) absolveu o deputado estadual lagartense Ibrain Monteiro (PSC) do crime de abuso de poder político e econômico, nas eleições 2018. Ele foi absolvido por 7 votos a 0.

Ele foi alvo de uma ação movida pelo Ministério Público Eleitoral de Sergipe (MPE/SE). Na ação, a procuradoria acusou Ibrain de junto com o seu pai, o prefeito afastado Valmir Monteiro, utilizar a máquina administrativa da Prefeitura de Lagarto, para alavancar a  sua candidatura.

Além disso, o Ministério Público Eleitoral  de Sergipe apontou que a gestão do município de Lagarto, na época,  reforçou o uso da cor verde, a mesma da campanha do candidato a deputado estadual, Ibrain Monteiro.

Contudo, os desembargadores entenderam que não houve abuso de poder político, porque a cor verde sempre foi prevalente em Lagarto e também por entender que Ibrain não ocupou posição de destaque em nenhum evento público. Uma vez que ele compareceu em alguns deles como presidente da Câmara de Vereadores de Lagarto.

Além disso, a defesa, por sua vez, lembrou que Ibrain sempre se preocupou com a sua participação em eventos públicos e que não participou de nenhum evento da prefeitura durante o período de campanha eleitoral. Outro argumento da defesa foi que: políticos como Fábio Reis, André Moura e Eduardo Amorim também deveriam ser condenados, porque também participaram de eventos da prefeitura.

Pela internet, o julgamento de Ibrain foi acompanhado pela imprensa e correligionários. Estes últimos, por sua, vez, comemoraram afirmando que a justiça foi feita.

Fonte: Lagartense.com.br