.

Eleitores podem agendar data para atualizar dados biométricos

O Tribunal Regional Eleitoral de Sergipe (TRE-SE) está disponibilizando o agendamento on-line para que o eleitor possa organizar a sua ida ao cartório e atualizar os dados biométricos.

Segundo o TRE-SE, nas eleições de 2018, 153 mil eleitores sergipanos não foram identificados biometricamente. Esse número corresponde a 11,97% do eleitorado do estado. Nesse caso, os mesários precisaram liberar manualmente, mas o TRE ressalta que este processo é feito de forma criteriosa pelo presidente da seção eleitoral, com checagem dos dados pessoais.

Ainda conforme o Tribunal, geralmente o problema na identificação biométrica do eleitor acontece por algum desgaste na digital, maneira de posicionar o dedo no terminal de identificação, qualidade da coleta da biometria ocorrida no cartório, entre outros.

A Justiça Eleitoral destaca a importância de que os eleitores cujas digitais não foram reconhecidas na seção eleitoral resolvam a pendência. Vale lembrar que o calendário eleitoral permite que isso seja feito até o começo do mês de maio de 2020.

Fonte: G1/SE