.

Em julho, 442 trabalhadores ficaram desempregados em Sergipe

Levantamento do Dieese de Sergipe, em julho deste ano foram eliminados 443 empregos celetistas em Sergipe, equivalente à uma retração de -0,16% em relação ao estoque de assalariados com carteira assinada do mês anterior. Esse é o terceiro pior saldo dos últimos 15 anos.

Os setores de atividades que mais contribuíram para este resultado foram Serviços (-469 postos), e o Comércio (-300 postos). Esses mesmos setores vêm acumulando perdas significativas ao longo dos últimos 12 meses.

No ano de 2019 já foram eliminados -3.856 empregos com carteira assinada em Sergipe.

O levantamento do Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos foi realizado com dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged).

Fonte: Fan F1