.

PRE pede cassação e inelegibilidade por 8 anos de deputado em Sergipe

O Pleno do Tribunal Regional Eleitoral julga na tarde desta quarta-feira, denúncia da Procuradoria Regional Eleitoral contra a eleição do deputado federal Bosco Costa (PR), acusado de abuso do poder econômico em sua campanha eleitoral.

O relator e o desembargador Diógenes Barreto.

A procuradora Eunice Dantas pediu a cassação do mandato e inelegibilidade por oito anos.

Segundo a denúncia, o deputado gastou R$ 485.350,00 com locação de veículos, do montante de R$ 2,09 milhões gastos na campanha.

Seja qual for o resultado do julgamento, o deputado continuará exercendo mandato, dependendo de entendimento final do Tribunal Superior Eleitoral.

Fonte: NE Noticias