.

Suspeito do assassinato da criança de Cristinápolis, morre em confronto com a Polícia

Desde a manhã da quarta-feira (14/08), quando houve o assassinato de Mariana Carina de Jesus Silva, uma criança de apenas 8 anos, vitimada no município de Cristinápolis  por marginais envolvidos no tráfico de drogas com o tio dela, que uma Força Tarefa, formada por PMs do 11° Batalhão e do Ciopac e Policiais Civis do Dipol, da Delegacia Regional de Tobias Barreto e da Delegacia de Cristinápolis, está  no encalço dos autores do crime.

E, na madrugada do dia seguinte, já no município de Estância, os Policiais localizaram um dos suspeitos, identificado como Leonardo Francisco de Aquino, justamente o que é indicado por familiares da vítima como autor dos disparos contra a menina Mariana. No entanto, Leonardo não se rendeu e preferiu iniciar um confronto, atirando nos policiais da ação conjunta. Desse confronto, um PM foi alvejado e encaminhado a um hospital e o suspeito, também alvejado, não resistiu ao ferimento e morreu quando estava sendo socorrido. 

A ação conjunta continua no encalço dos demais participantes do crime e informações completas serão prestadas pela Assessoria de Comunicações da SSP sergipana, no momento propício.


Fonte: Assessoria de Comunicações do 11° Batalhão da PMSE